Postagens

Mostrando postagens de 2014

ANNO AMET OU COMO DIZEMOS NÓS, ANO INTERESSANTISSIMO

Imagem
Esta é a parte do ano que me divirto, seguindo as resenhas. Tem a dos famosos que nos deixaram, as mais belas fotos, os piores momentos, as maiores imbecilidades políticas (essa é um pleonasmo repetido anualmente com ligeiras variações, em diferentes linguas e locais geográficos), os twitters mais engraçados e os mais cretinos, enfim há para todos os gostos e tendências. Este ano, que foi interessantissimo, e penso na maldição chinesa de “que os deuses te façam viver em tempos interessantes”, no qual tive a impressão que o paraiso precisava ser repopulado com gente boa, e quantos se foram, entre famosos e pouco conhecidos, minhas referências quase que se acabaram.

Assisti, em choque, os 7 a zero, pulei de alegria com Italia ganhando da Inglaterra, morri de vergonha de pertencer à mesma raça que os decapitadores da ISIS, vibrei com a coragem do Papa Francisco, aplaudi em pé as mudanças feitas pelo Obama, quis estapear, pessoalmente, o Bolsonaro, dizendo: “Como acredito que o Sr. Mereça…

BOAS FESTAS

Imagem

QUE QUE É ISSO COMPANHEIROS? OU DE COMO, MAIS A CIÊNCIA AVANÇA, MAIS ACREDITAMOS EM MITOS.

Imagem
Pessoas que tem convicções são muito difíceis de mudar, Diga-lhe que discorda e a pessoa vira-lhe as costas. Mostre-lhe evidências e estatísticas e questionará suas fontes. Apele para a lógica e ele não entenderá seu ponto de vista.” Leon Festiger

Há muito tempo, irritava-me com o que era obrigada a escutar, principalmente em festas ou reuniões onde sempre havia pelo menos uma criatura que, em descobrindo que eu era médica, imediatamente iniciava discurso sem fim sobre os horrores cometidos pelos médicos em geral e psiquiatras em particular, geralmente secundada por outra ou outras criaturas a contar casos de “curas milagrosas”, sempre feitas por alguém completamente fora da área médica, alguém horrendamente perseguido pela indústria farmacêutica, que como todos sabem, comprou todos os médicos desse mundão velho e sem porteira.

No início, jovem que era (desculpa antiga para imbecilidades diárias), retrucava, discutia, brigava ou ironizava. Lembro-me, sem nenhum orgulho, de uma vez qu…

O QUE FAZ AS PESSOAS SEREM MÁS?

Imagem
“A triste verdade é que a maior parte do mal é praticado por pessoas que nunca se decidiram a respeito de serem boas ou más.”Hannah Arendt.

Desde tempos imemoriais, o mal nos fascina. Foi descrito em prosa e verso, em todas as culturas e religiões conhecidas. Os têrmos “psicopata”, “sociopata”, viraram mais comuns em conversas do que receita de canja para curar todas as gripes. Grudamos na TV para assistir caças a assassinos em série, assistirmos filmes como “O silêncio dos inocentes”, Atração Fatal”, “Psicose”, isso só dos que lembrei assim de cara, elegemos Hitler como o rei de todos os males, mas nunca citamos Stalin, que matou o dobro de seu próprio povo, e esta sempre foi uma curiosidade mórbida de minha parte, e que nada tem a ver com o assunto agora. Pois voltemos ao mal. Foi a semana em que explodiram no mundo relatorios diversos sobre torturas, aqui nos USA, do que a CIA aprontou nos anos Bush/Chenney e aí no Brasil, nos anos da Ditadura Militar, e os “valentes”soldados da IS…

O ANIMAL SOCIAL

Imagem
Nesse “TED talk”, o colunista David Brook traz novas percepções sobre a natureza humana, a partir das ciências cognitivas, como se fosse um novo Renascimento a partir das descobertas das neurociências. Alguma dúvida do porquê fui obrigada a traduzir? Cheio de humor, mostra como podemos nos entender como indivíduos fazendo escolhas baseadas em nossa própria percepção consciente. Como de costume, meus palpites, que são mínimos, posto que estava tão emocionada que esqueci de fazer gracinha, estão entre parênteses,e o link para a palestra origina, no final.

Quando consegui meu atual emprego, recebi um bom conselho, que foi o de entrevistar 3 políticos todos os dias. E a partir desse contato com políticos, posso dizer a vocês que eles são malucos emocionais de um jeito ou de outro. Eles têm o que chamo de demência da logorréia, que é falarem tanto que se deixam loucos. Mas, na realidade, o que eles têm são habilidades sociais incríveis.Quando você os encontra, eles se focam em você, eles o…

FAZENDO SEMPRE AS MESMAS BESTEIRAS: POR QUE?

Imagem
O homem errado, o amigo aproveitador, o trabalho oprimente, a namorada ciumentíssima...quando repetimos a besteira, é a hora de parar de brigar conosco e nos auto definir como azarados no amor/bons demais por isso os outros se aproveitam/ou qualquer outra explicação e/ ou racionalização facilitada, e dar uma boa olhada dentro de nós mesmos. Já pensou se, por acaso, todos esses erros,nós mesmos os procurassemos?
Se um problema se apresenta como uma constante em nossa vida, é totalmente inútil nos lamentarmos, xingar a má sorte ou o destino/karma/vidas passadas/pagamento de pecados. A melhor coisa é, na realidade, agir em sentido contrário, levantando a questão de que, possivelmente, somos nós mesmos, de forma inconsciente, que procuramos pelo problema.

Como assim, dirão vocês? Como assim?

Há muitas luas atrás, li um livro chamado “Mulheres que amam demais”(PDF no final do texto), no qual a autora descreve, e muito bem, histórias de sofredoras criaturas sempre metidas em histórias amor…

TERAPIA VERSUS ANTIDEPRESSIVOS:UMA REVISÃO DA DEPRESSÃO

Imagem
Depressão é uma doença de dificil tratamento, até mesmo porque, ainda estamos tentando descobrir como e por que ela aparece.

Diferentes métodos de tratamento, afetam o cérebro de maneiras drasticamente distintas, e é por isso porque terapia e medicamentos, por vezes, funcionam, e por vezes não.
É importante lembrar que depressão não é aquele caso temporário de estar triste, ou para baixo, mas sim uma situação na qual há mudanças físicas severas na forma de como o cérebro funciona.

Até o momento, sabe-se que há 2 áreas cerebrais diretamente ligadas ao problema: O córtex pré frontal, que fica bem atrás da testa e vai até quase o meio da cabeça, e a amigdala, estrutura minúscula em forma de pepita.

Os antidepressivos, considerados pelos leigos como a única coisa para tratar depressão, atuam apenas na amigdala, o que explica por que, apenas 22 a 40% das pessoas com depressão, deles se beneficiam.

Por outro lado, a Terapia Cognitivo Comportamental, tipo muito específico de terapia, pare…

MITOS, FALSAS IDÉIAS E APRENDIZADO: COMO MITOS SOBRE O CÉREBRO ESTÃO PREJUDICANDO O ENSINO.

Imagem
Já falei bastante aqui de “Raciocínio Motivado” ou “Polarização da Confirmação”, definições científicas do velho e bom Preconceito, que é a tendência a procurar, interpretar, ou priorizar as informações de formas que confirmem nossas crenças ou hipóteses. É um assunto que me fascina, por vários motivos: primeiro que vai totalmente contra a lógica, pois deveria ser óbvio que, quanto mais informação temos, mais nossa capacidade de discernimento deveria melhorar. Falso. Total e completamente falso. Só aumentamos nosso conhecimento nas áreas que de antemão nos interessam. Atesto por mim mesma, ao me perguntar quantos artigos li, nos últimos 10 anos, em ginecologia e obstetricia. Triste resposta, é que não me lembro de ter lido nenhum. Pior, nem sequer chequei o quadradinho apropriado quando escolhi minhas coisas no Medlinx, e olha que coloquei coisas esquisitíssimas, tipo genética evolutiva.

O segundo e mais importante ponto, além de meu desgosto com a citada matéria desde tempos de facu…

UMA LIÇÃO DE CIVILIDADE

Imagem
Num mundo cada vez mais polarizado por ideias político/religiosas, onde horrores nos assaltam 24h/dia,7 dias por semana, foi um sopro de esperança (e orgulho) de pertencer à mesma raça que esses canadenses incríveis. Vamos a um resumo do acontecido:

Em 22 de Outubro de 2014, em Ottawa, Canadá, Michael Zehaf-Bibeau decidiu que seria excelente ideia mandar uma saraivada de balas no Memorial da Guerra, matando o soldado reservista, Nathan Cirillo, que lá estava postando guarda, desarmado. Após heroico feito, foi ao Parlamento, onde foi morto pelo Sargento Kevin Wickers, chefe de segurança da casa, que também estava desarmado e teve que ir catar seu revólver na escrivaninha de seu escritório.
(Vejam vídeo abaixo)
http://www.youtube.com/watch?v=v4wfzWJ2Hwo


Não vou nem comentar a diferença estonteante entre as reportagens americanas e canadenses, na primeira, um surto histérico de pânico a respeito da invasão islâmica em solo norte americano, na segunda, uma tentativa de clarear os fatos, n…

DEVER CUMPRIDO, TEIMOSIA, NEUROPSIQUIATRIA E ANSIEDADE EM QUADRINHOS.

Imagem
O título é maior que o post em si. Acontece que hoje, tomada do prazer imenso que é finalmente ter entregado um livro para publicação, prazer esse extremamente aumentado pelo fato de ser a primeirissima experiência fora de minha área de conforto (e se é verdade que a vida só começa fora da citada zona, acabei de renascer), cá estava a ruminar sobre retomar, a sério, meu sonho antigo de neurologia para crianças. Pensava eu que material, já o tenho aos montes, as idéias de como desenvolver até que razoávelmente organizadas (sim, Grace e Teresa, não tenho qualquer dúvida que vocês terão muito a dizer sobre minha ideia de organização), então, era só colocar a mão na massa.
Mais animada fiquei ao ler o artigo “How myths about the brain are hampering teaching” (COMO MITOS SOBRE O CÉREBRO ESTÃO PREJUDICANDO O ENSINO), artigo que traduzirei e colocarei na página do Curare no Face Book, e então, aqui vai Ansiedade em Quadrinhos, como primeiro ítem. Queria muito ter feito uma animação, mas aind…

REVERTIDA PERDA DE MEMÓRIA ASSOCIADA COM ALZHEIMER

Imagem
Infelizmente, nesta altura da vida, a maioria de nós conhece alguém com o Mal de Alzheimer, e se conhece, também sabe a sensação de Dante às portas do Inferno, quando todas as esperanças foram perdidas. Mal as palavras são pronunciadas, e uma capa de chumbo desce sobre nós. Nada adianta, nada vai resolver, pronto, acabou. Também se sabe que a expectativa altera o resultado de um experimento, tendendo a conclusão a bater com a expectativa inicial, de forma que acabamos por nos comportarmos,(tanto pacientes como cuidadores), de forma desesperançada, piorando tudo. Há razões para o pessimismo, se levarmos em conta que o Alzheimer afeta cerca de 5,4 milhões de americanos e 30 milhões de pessoas no mundo, e ainda não há prevenção e/ou tratamentos eficazes, e as estimativas apontam que, em 2050,160 milhões de pessoas em todo o mundo terão a doença. Ao contrário de várias outras doenças crônicas, a doença de Alzheimer está em alta, tendo-se tornado a terceira principal causa de morte nos Est…