Google+ Badge

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

10 COISAS QUE NÃO DEVEM SER DITAS A ALGUÉM DEPRIMIDO - Therese J. Borchard

Aqui estão 10 coisas que, definitivamente, você não deve dizer. É uma coleção de "pérolas" ouvidas quando pessoas bem intencionadas abrem suas bocas para dizer algo realmente estúpido para alguém que já está em péssimo estado.

1- Só está na sua cabeça. Você tem que pensar positivamente. 
Ao ouvir isso, juro que tive vontade de jogar a figura tamanho natural do Tony Robbins na cabeça deles. Embora otimismo seja muito importante em treinamento cerebral, todos os estudos sérios mostraram que, as pessoas que estão severamente deprimidas ou agudamente ansiosas só vão mesmo é ativar mais ainda suas amigdalas (centro do medo e perigo no cérebro - digamos que é nosso sistema de alarme) se forem forçadas a pensar positivamente.

Tony Robbins é o que chamo de TUDOLOGO, isto é, o papa americano da autoajuda a respeito de tudo, de saúde a dinheiro a relacionamentos, comunicação e qualquer outra coisa que seja o hit do momento.Li dois dos livros dele, assisti 2 shows na TV e sempre me recusei a pagar o absurdo cobrado por seus workshops, de formas que não sei como são. Sei que teve duas ações judiciais, uma, pela Federal Trade Comission, onde pagou $221.260,00 em 1995 e outra por Wade Cook, outro guru, só que este é só no campo financeiro, por infração de direitos autorais e plagiarismo, e teve que pagar para o Cook a fortuna de US$650.900,00 em 1998.)

2- Você precisa sair de dentro dessa casca e fazer trabalhos comunitários
(Esta é tipicamente americana, mas pode ser traduzido por qualquer conselho desde voluntariado a tomar uma cerveja com a turma) Esta frase sem dúvida piora tudo, porque agora, além de se sentir muito deprimida, a pessoa também passa a se sentir culpada e egoísta. Sem dúvida que voluntariar seu tempo é importante, mas só quando a pessoa está saudável o suficiente para não chorar em cima das crianças dos centro pediátrico onde foi voluntariar.

3- Por que você não tenta malhar?
Não deixa de ser um bom conselho, pois sabe-se que exercícios têm fortes efeitos antidepressivos, mas dizer a alguém que necessita de exercício é mais ou menos como dizer a alguém que seu derrière parece muito aumentado quando usa jeans. Há que se insinuar a coisa mas não jogar na cara, ou a criatura pode decidir aprender a boxear e usar sua cara como saco de pancada.

4- Faça suas compras no Whole Foods (é um mercado aqui só de coisas naturais, muito caro) e você se sentirá muito melhor. 
Por que isso me irrita? Porque 1) Não tenho dinheiro suficiente para me abastecer neste mercado e, 2) embora saiba que minha dieta afeta meu humor, e que quanto mais orgânico melhor, ressinto o fato de você me dizer que a falha elétrica no lobo frontal esquerdo em meu cérebro é causada por meus sucrilhos.

5- As únicas coisas que você precisa são Meditação e Yoga.
Correção : meditação e yoga podem ser muito bons para alguém que esta tendo depressão bem leve ou moderada, mas ansiedade aguda e depressão severa são qualquer coisa completamente diferente. Na verdade, meus pensamentos suicidas pioraram com yoga. ( Os pensamentos suicidas da autora, Therese J. Borchard, não os meus, Patrizia)

6- Você precisa de um novo emprego.
De repente pode ser mesmo o emprego que esteja piorando a depressão, pois stress nunca é bom para a saúde, principalmente a emocional, por despejar toxinas no nosso sistema circulatório. Até ai, tudo bem, mas nunca encoraje uma grande decisão enquanto a pessoa está deprimida, pois para se escolher adequadamente é necessária uma perspectiva balanceada.

7- Você está feliz com seu relacionamento?
Naturalmente que problemas no relacionamento podem desencadear a depressão, mas conversei com muitas pessoas que quase largaram seus cônjuges quando estavam clinicamente deprimidos, achando que alguma coisa ao redor deles deveria estar causando o problema, e desde que o cônjuge é a coisa mais próxima, ele ou ela acabam sendo culpados pelas quedas de humor. (Além disso, na minha opinião, se alguém está deprimido, não está feliz com coisa alguma, de formas que tal pergunta é totalmente fora de contexto).

8 - Você tem tudo o que precisa para melhorar.
Isso implica que, todos os medicamentos nada mais são do que toxinas que não fazem outra coisa além de entorpecer seus sentidos. Adivinha só? Alguns medicamentos realmente ajudam na recuperação. Sério! É mais ou menos como quimioterapia para câncer ou insulina para diabetes. Você diria a uma mulher com cancer de mama que ela tem tudo o que precisa para melhorar? Não, também acho que não. (Essa é minha irritação preferida. Alguém, geralmente longe da área medica, sempre em público, geralmente em festas, acha de fazer discursos contra medicação que desconhece, contra os médicos em geral e a indústria farmacêutica em particular. Sempre tem o caso da prima do cunhado da vizinha da tia do irmao da namorada do colega de trabalho que- a escolher-a) tinha uma doença que médico nenhum diagnosticou até que finalmente foi a fitoterapeuta- terapeuta eclético- pai de santo- centro espirita, etc...quando, com ajuda de chás e ervas, tudo foi resolvido ou b) a mesma, depois de passar anos sofrendo nas mãos de médicos horriveis, súbitamente decidiu parar com tudo, e, milagre, curou-se. E não adianta explicar que há até casos de esquizofrenia com remissao expontânea ou que, embora não ache que a indústria farmaceutica seja constituida de anjinhos que trabalhem incansávelmente para o bem da humanidade, muito antes pelo contrário, também sou velha o suficiente para lembrar o horror passado por pessoas com depressão antes da invenção dos novos antidepressivos, dos quais o Prozac foi o padrão. Isso para não falar em antibióticos, anti hipertensivos, etc... etc...)

9- Você quer REALMENTE se sentir melhor?
Esse era meu favorito, porque sugere que podemos nos fazer sentir tão felizes quanto o queiramos pela nossa força de vontade. Me deixa ajustar um pouquinho o nível de otimismo...pronto, feliz e alegre de novo! Realmente penso que temos que observar nossos pensamentos e treina-los e re treina-los usando as ferramentas necessarias para torna-los mais otimistas, isso não quer dizer que possamos sair do pântano puxando nossos própios cabelos e sem nenhuma outra ajuda (lembrem-se o único que conseguiu isso foi o barão de Munchausen, e tem uma síndrome séria em psiquiatria com esse nome e por uma boa razão). Por favor, não façam com que a criatura, além de deprimida se sinta também uma falha ambulante.

10- Todo mundo tem problemas.
Quando conversar com alguém deprimido, esqueça a respeito do Congo e Bangladesh. É claro que algumas pessoas estão em muito pior estado, mas isso não faz a dor da pessoa ser menor. O que provávelmente vai acontecer é que a pobre, além da depressão, vai também se sentir fraca e patética o que, naturalmente piora tudo.

Therese J. Borchard: Autora e palestrante, principalmente a respeito da própria batalha contra a depressão.

4 comentários:

Postar um comentário