Google+ Badge

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

23 Ilusões que o Envelhecimento dissipou


Tive que traduzir esse artigo, que fez tanto sentido no ano que me tornei sexagenária, como homenagem a meus amigos/amigas e a mim mesma, pelas batalhas vencidas, batalhas essas que foram muito mais internas do que as que fazem as manchetes de jornais, mas nem por isso, menos duras.

1- Minha mais recente sacada: Enfrentar e descontruir ilusões leva a um estado contínuo e sereno de iluminação. (Não sei bem se é iluminação, mas de paz, certamente o é)

2. Minha mais antiga ilusão: Sucesso garante imortalidade.

3. Que sessenta são os novos quarenta (o bobagem grossa!).

4. Que esses anos de pós-meia-idade representariam o pico da demanda e valorização do que sempre entendi como sendo minhas habilidades mais comercializáveis.(hehehehe...seria cômico se não fosse trágico).

5. Que fui melhor mãe para meus filhos do que minha mãe foi para mim. Na realidade, para enfrentar meus problemas com meu passado, exagerei tanto nas correções que quase destrui a capacidade deles de lidar com os própios ressentimentos.(Esse parece ser um problema dessa nossa geração de baby boomers, com o "é proibido proibir")

6. Que sempre saberia a razão pela qual, pessoas importantes em minha vida, dela desapareceriam por vontade própria.

7. Que pessoas boas seriam sempre premiadas e as más, punidas.

8. Que exercícios e alimentação saudável irão mantê-la firme e forte como quando era jovem.

9. Que você não é, nem nunca será como aquelas outras pessoas que envelhecem.

10. Que ter uma doença séria implica em que vai morrer logo.

11. Que se pode superar qualquer coisa.

12.Que papai, mamãe, professores e mentores sempre souberam o que era melhor para você e que sempre pensaram primeiramente em seu bem estar.(Essa saquei faz tempo, mas óbviamente, americanos são mais inocentes, por mais tempo)

13. Que as coisas que outras pessoas criticaram em você, eram ruins ou erradas (essa levei um tempão para sacudir)

14.Que a vida é longa e a decolagem pode recomeçar a qualquer momento.(Até meus 45, juro que fui imortal)

15. Que guardou o suficiente para a aposentadoria e / ou seus filhos serão capazes (ou vão querer) cuidar de você. (Essa ilusão nunca tive, mas é bom pensar nela).

16. Que ninguém jamais a/o amará como mamãe. ( Essa aqui considero bobagem grossa, pois em sendo amores diferentes, é obvio que, para o bem o para o mal, ninguém será como mamãe, papai, etc. Acho que a ilusão é "ser amado como..... preencha o espaço).

17.Que nunca vai se recuperar da perda do primeiro amor.

18.Que pode participar de uma reunião dos colegas de ginásio e não reverter a sentimentos e comportamentos adolescentes.( Essa, a meu ver, é outra coisa típicamente americana, nunca pensei no assunto nem nunca participei de tal reunião, mas não vejo nenhum problema em assim me comportar quando reencontro amigos/as daquela época...e por que diabos não deveria?).

19. Que, para mostrar que você cresceu e venceu, seu carro há que ser uma Ferrari.( O meu sonho era Jaguar, mas não me lembro de ter pensado em relação a crescimento e vitórias, apenas que achava e continuo achando que é uma lindeza).

20. Que algum dia seria: a) Uma estrela da Broadway, b) Super model, c) Jogador de futebol internacional, d) Ganhador do Nobel, e) Presidente, f)Cantor de banda famosa, g) O próximo Bill Gates ou Steve Jobs, h) O autor de um best seller (checado d e h).

21.Que você tem que agir, fazer, ser, aguentar seja lá o que for para ser aceito/a.

22.Que se sentir culpada significa necessáriamente que fez algo errado e se sentir inadequado significa que ainda não fez o suficiente ( Se alguém teve mãe italiana ou judia, sabe perfeitamente como é isso, e como demora para consertar).

23. E finalmente, a mãe de todas as ilusões: a que podemos controlar e dominar todas as áreas de nossa vida, se apenas formos bons o suficiente, tentarmos o suficiente, formos inteligentes o suficiente, etc...então, teremos tudo o que queremos e do jeito que queremos.

Na Bíblia dizem que "a verdade te libertará". Fico aqui pensando se "verdade" e "idade"são sinônimos. Estou cogitando sériamente sôbre como ficarei quando parar de pintar os cabelos, o que, em minha opinião, é o ato libertatário mais basal. E vai ser logo!

ARTIGO ORIGINAL

0 comentários:

Postar um comentário